Como alcançar metas e objetivos – Um guia com 10 passos

É muito interessante registrar que tudo que existe no mundo físico surgiu primeiro na mente de alguém, validando assim a ideia de que pensamentos são energizados.

Os sonhos são pensamentos ainda não vivenciados. Podem ser chamados de “desejos inconscientes”. É muito importante sonhar! Sonhadores sempre têm um futuro promissor e um presente de realizações. É este o caso, por exemplo, de Bill Gates, Santos Dumont, Werner, von Braun, Gram Bell, Louis Pasteur e Thomas Edison, entre outros.

 

Pensamentos geram sentimentos, e estes geram comportamentos. Os comportamentos acarretam consequências no mundo físico, que por sua vez geram novos pensamentos, completando o ciclo do pensar-sentir-agir.

 

Assim, motivação é o combustível para se atingir determinados objetivos. E como isso é fundamental para se alcançar o sucesso! Atingir um alvo que uma pessoa não tem pode ser comparado a voltar de um lugar ao qual nunca se foi. Quando alguém traça uma meta, está trabalhando na construção de seu destino. A correlação entre sonho e meta é: meta é sonho com data marcada. Sonhar (ainda que acordado) só pode se concretizar quando se sai do território do “algum dia” para o campo da data agendada.

 

Seria possível uma pessoa conquistar o pico mais alto da terra  – o monte Everest – sem um planejamento? Simplesmente, não! Para chegar ao topo é preciso planejar cada detalhe: distância, altura, temperatura, roupas, equipamentos, etc. Sem isso a morte é certa. Desse modo, sem planejamento é quase impossível atingir grande metas. Infelizmente, porém, o cérebro humano não é direcionado para o planejamento.

 

10 Passos para alcançar muitas metas e objetivos

 

  1. Não desista de seus sonhos.

 

Os sonhos nos mantêm vivos. Quando uma pessoa não sonha mais, certamente sua vida se enche de frustrações, porque ela perdeu a visão de futuro. Quando falamos sem sonhos, não nos referimos aos sonhos coerentes e absurdos que as pessoas têm enquanto dormem. Falamos daqueles sonhos de olhos abertos: a carreira profissional, a nova faculdade, a especialização, a pós-graduação, o carro novo, a viajem ao exterior, a mudança de cidade, a nova casa, a quitação de um empréstimo, a mudança de negócios, o livro publicado, o casamento, os filhos formados…Sonhos! Eles dão um sabor muito especial à vida, acalentam a existência e motivam o viver. Assim, continue sonhando! Agora, cuidado com tudo o que você sonha, porque pode dar certo!

 

  1. Escreva sempre suas metas.

 

Experiências mostram que é muito importante escrever e guardar aquilo que se escreveu: é o sonho colocado no papel. No mundo dos negócios, tudo tem de ser por escrito: contratos, empréstimos, acordos, declarações, depoimentos, etc. Tudo o que é importante deve ser registrado, escrito. Mas e a vida, não é importante? Se perguntarmos às pessoas o que elas farão, serão ou terão daqui a um, dois cinco ou dez anos, a maioria vai dizer: “Ainda não parei para pensar nisso…”. Interessante: não teve tempo para pensar na coisa mais importante que é sua vida! Então, para estar motivado, escreva suas metas para os próximos meses e para os próximos anos. Acredite. Coloque isso em prática e veja os resultados!

 

  1. A meta tem de ser sua!

 

Não dá para viver a vida por outras pessoas, ainda que gostemos intensamente dela. Pais vivem interferindo na escolha da profissão dos filhos. Alguns chegam mesmo a impor. E não raro os filhos se formam, “doam” o diploma a seus pais e seguem à procura da profissão de seus sonhos – aquela que eles mesmos escolheram. Quando a meta não é da pessoa, ela desiste logo.

 

  1. É preciso estar comprometido totalmente com a meta dia e noite!

 

Estar comprometido é mais do que estar envolvido. Por exemplo, imagine uma refeição com ovos e bacon: a galinha estava tão envolvida que até forneceu os ovos; mas o porco se comprometeu de tal maneira que deu sua preciosa vida. Comprometimento é envolvimento total.

 

  1. Uma meta deve ser grande!

 

E tão grande que quando contada para amigos, familiares, vizinhos e colegas, eles cheguem a duvidar. Por exemplo: estudar em uma universidade americana nos próximos cinco anos! Trabalhar em uma empresa de informática no Japão em três anos! Ser professor titular de sua especialidade em uma grande universidade! Escrever um best-seller em seis anos! Ser um apresentador em uma televisão famoso…Coisas que causem espanto.

 

  1. Uma meta deve ser bem específica.

 

Na vida precisamos de objetivos bem definidos. O que na realidade você quer: estudar, trabalhar, se mudar, trocar de casa ou carro, aparecer na TV, ter um bom programa de rádio? Muita gente diz: “quero ganhar dinheiro” Sim, mas algum dinheiro você já tem no bolso…A resposta deveria ser: quero 50 mil reais! Desse modo o cérebro é sensibilizado e registra seu pedido específico. O cérebro só entende mensagens exatas, porque assim pode autorizar o subconsciente a trabalhar intensamente.

 

7.Uma meta deve ser longa.

 

É preciso planejar a curto, médio e longo prazo. Mas antes de tudo é preciso ter na vida um bom e atraente projeto para os próximos anos. Assim, se seu chefe lhe chamar a atenção amanhã logo cedo, você não vai se incomodar, porque seu projeto é de longo prazo e por isso não vai ficar ferido, pois o foco de sua visão está muito além. É como estar no cume de uma montanha: você vê tudo ao longe. Assim, planeje os cinco, dez, quinze anos em seus aspectos fundamentais. Com um bom plano para os próximos dez anos, é possível fazer a semana, o mês, o semestre e o ano seguinte bem mais agradáveis, independentemente de quem seja o adversário, provocador ou perseguidor.

 

  1. Descubra onde você está, pois este é seu ponto de partida.

 

Para chegar a algum lugar é preciso ter ciência do ponto de partida: é ai que começa a caminhada. Na vida, não dá para retroceder, só prosseguir. Se o acalentado sonho é cursar a faculdade, pergunte-se: na vida educacional, onde você parou? Esse é seu ponto de partida! Se for adquirir um novo carro, quanto dinheiro você tem no banco? Se for fazer uma sonhada viagem, quando isso se dará? Como você resolverá a questão do trabalho? Assim, é preciso ter a nítida consciência do lugar em que se está e da estrada que precisa ser trilhada.

 

  1. Coloque uma data.

 

Tudo aquilo que for colocado na categoria de “qualquer dia” não vai funcionar. O motivo é muito simples: a agenda não marca qualquer dia, nem o calendário! Pessoas que não querem assumir compromissos apenas dizem: “Qualquer dia desses eu vou dar uma passeio de helicóptero!” Como o “qualquer dia” não vem, elas nunca dão seu passeio panorâmico. Isso realmente é incrível: pessoas sabotam a si mesmas diariamente! Outra desculpa muito comum é: “Qualquer hora a gente se fala por telefone…!” Não parece uma conversa estranha? Relógio tem ponteiros, que não marcam qualquer hora: marcam horas, minutos e segundos. Agora, para gerar compromisso, é preciso dizer: “Até o final de 2017 eu vou dar um passeio de helicóptero…” ou “Até julho do ano que vem terei lido sete livros novos! Quando se coloca uma data, um compromisso está sendo gerado! Essa linguagem o cérebro entende muito bem. E providencia as respostas.

 

  1. Busque ajuda!

 

Na maioria das vezes, as pessoas não conseguem o que querem na vida porque têm medo de pedir ajuda! Este é um sério e grave engano. Ora, se eu estou necessitando, preciso de ajuda e muita! É verde que estarei correndo o risco de ouvir repetidos nãos pela vida afora. Estudos mostram que, quando um produto ou projeto é apresentado, corre-se o risco de ouvir 21 vezes, mais ou menos a palavra não. Ora, sabendo isso, é melhor se preparar (sem sofrimento) para ouvir esses nãos, porque eles fazem parte do processo! Corra riscos: busque ajuda e conselhos! Ajuda se dá em dois sentidos: horizontal e vertical.

 

A ajuda horizontal é encontrada junto a familiares, amigos ou colegas da escola, igreja, academia, clube, etc. Pessoas que certamente vão abrir espaços em suas agendas para ouvir aquilo que você tem a dizer. Com base na amizade e até na intimidade, vão parar tudo para discutir maneiras de ajudá-lo.

 

Mas como eles descobrirão suas necessidades se você não se comunicar? Como poderão ajudar se não sabem a dimensão do projeto? Como participarão dos projetos se você não esclarecer e der as devidas explicações?

 

Portanto, acabar com o medo de expor projetos e pedir ajuda para a realização deles é algo que deve fazer parte da sua vida. Mas é preciso sair da inércia e agir. Ainda há tempo!

 

A ajuda vertical está baseada na fé em algo transcendental. podemos chamar isso de Deus, força espiritual, ajuda divina, poder sobrenatural. Seja qual for o nome, busque ajuda. Depoimentos de pessoas que ousaram buscar essa ajuda comprovam que com o exercício da fé elas foram em frente, superando barreiras e obtendo vitórias inacreditáveis aos olhos humanos. Na bíblia, encontramos que “A fé é a certeza daquilo que esperamos e a prova das coisas que ainda não vemos. Pois foi por meio dela que muitos receberam aquilo que pediram”.

 

Magno Marth – Coach e Palestrante

GERENTES DE VENDAS OU GERENTES TREINADORES!

 

Com certeza você conhece algumas empresas, em que existem gerentes que conseguem atingir as metas independente de onde estiverem, enquanto também em outras empresas existem os desafortunados de “talento” onde lutam diariamente para alcançá-las.
Podemos observar gerentes que assumem uma loja de baixa performance e aumentam a performance em 20% a 30% ou atémais.

Mas qual o problema, então? São profissionais raros.

Existem duas queixas muito frequentes de proprietários e diretores de empresas:

1) O mercado está escasso de bons líderes;

2) Como é difícil encontrar internamente talentos para liderar.

É evidente, mas solucionável. Vamos refletir como selecionamos?

O vendedor atinge bons resultados, tem bom relacionamento com os líderes imediatos, brilha como ouro. Ao ver tudo isso, o Supervisor indica-o para assumir a vaga de Gerente e o vendedor cansado da rotina e ludibriado pelo status de ser Chefe diz sim. O processo seletivo não é tão rigoroso, afinal tudo está definido.

O ex-vendedor assume uma equipe, obviamente inferior em atendimento ao que ele fazia anteriormente. Ansioso pelos resultados e com pouca capacidade de ensinar, no calor do dia a dia procura fechar as vendas. Os vendedores tornam-se assistentes de vendas, atendem e definem o produto, mas o fechamento é com o chefe.

Em lojas pequenas é bem possível que funcione, mas se o desafio aumenta o Gerente não consegue estar presente em todas as negociações. A equipe dependente e pouco preparada perde vendas, os resultados não são alcançados, aquele ex-vendedor de sucesso não é mais bem visto, aos poucos se encaminha para o desligamento. E pronto, acabamos de perder um Vendedor de Alta Performance e um Gerente.

O gerente de vendas precisa desenvolver habilidades e competências como: desenvolvedor, formador, treinador, aquele que faz sua equipe seu espelho, que sabe construir homogeneidade nos resultados individuais, diminuindo as diferenças entre os últimos e os primeiros, aquele que sabe ensinar com qualidade e fala muito mais “como vamos fazer” do que “o que você tem que fazer”, aquele que antes de apontar uma meta mostra os caminhos, as atitudes e as técnicas.

Este Gerente traz e faz o resultado através da sua equipe (e não através dele próprio, pois normalmente ainda é ele o principal vendedor) pense nisto!

 

“A missão da Excelência em Coaching é transformar seus Gerentes e Colaboradores comerciais em CAMPEÕES”.                                                                                                    Magno Marth – Coach

Acesse www.excelenciaemcoaching.com.br

Como Ser um Vendedor Irresistível!

De um modo geral, os clientes compram de vendedores nos quais confiam e se identificam, este processo de empatia na venda chama-se rapport, é o ponto central das relações.

 

Pesquisas apontam que as suas palavras representam apenas 7% de sua comunicação, sua voz 38% e a sua comunicação corporal 55%.               Estes índices afirmam que o que você diz é o menos significante, porém, como seu corpo se comporta são os fatores mais importantes da sua habilidade em criar sintonia com seu cliente.

Há três tipos básicos de clientes: o cliente Visual, o Auditivo e o Cinestésico, portanto, Identifique qual é o tipo do seu cliente e entre em rapport com ele.

Em um processo de venda, os clientes visuais amam as informações visuais, dessa forma, para eles é mais importante ver do que falar do produto, uma imagem vale verdadeiramente mil palavras, sendo assim, é extremamente necessário no atendimento deste cliente à utilização de gráficos, fotografias, slides e vídeos se você os tiver.

Por se comunicarem visualmente, tendem a olhar para cima, falar rapidamente e geralmente apresentam altos níveis de energia O cliente espera encontrar no vendedor estas mesmas características, este aspecto é vitalmente importante ajudando-os a tomar uma decisão positiva de compra.

Ressaltando que, o marketing pessoal do vendedor é importante para qualquer cliente, porém, como este é um cliente visual e absorve mais o que vê, este fator influenciará muito mais na decisão do cliente.

Diferentemente, os clientes Auditivos querem ouvir falar de seu produto, não necessariamente vê-los.  São mais centrados, seus olhos tendem a se mover com seus ouvidos, fala em termos audíveis, por isso, o que outros clientes disseram sobre o seu produto será uma informação muito valiosa.             Dessa forma, use sua voz para atrair a atenção do cliente Auditivo, mude o tom, o volume e a velocidade da fala para enfatizar verbalmente e aumentar os seus pontos de vendas.      O relato de histórias é uma estratégia poderosa para atrair a atenção do cliente auditivo, portanto, fale palavras excitantes e motivadoras que vão tocar no seu gravador interno mesmo depois que a chamada de vendas estiver terminada.

Já os clientes Cinestésicos se comunicam através da ação corporal, gostam de tocar e de serem tocadas, sendo assim, deixe-os colocar suas mãos por toda parte do produto quando possível. Para este tipo de cliente é absolutamente necessário uma relação de confiança e amizade, portanto, fale sobre interesses comuns como, jogos esportivos, família, lazer, pois o mesmo irá sentir-se confortável com sua atenção.

No processo de início e fechamento da venda, o aperto de mão para o cliente cinestésico é de suma importância, para tanto, deve transmitir credibilidade.

Sendo assim, o processo de vendas não é condicionado a apenas uma apresentação de determinado produto, mas consiste na utilização de uma série de técnicas e habilidades por parte do vendedor. Dessa forma, o profissional de vendas precisa estar capacitado e conhecer profundamente as etapas do processo de vendas, distinguindo os diferentes tipos de clientes, entendendo o processo de venda (sob a ótica do vendedor), o processo de compra (sob a ótica do comprador, cliente) e flexibilizar seu discurso às necessidades e desejos de cada cliente.

Magno Marth – Coach

“O único lugar aonde o sucesso vem antes do trabalho é no dicionário.” Albert Einstein

 

Acesse nosso Site www.excelenciaemcoaching.com.br

Como o treinamento de vendas melhora os resultados da empresa?

A equipe de vendas é o pulmão da empresa. Se a respiração não estiver funcionando bem, todos os demais órgãos serão prejudicados, não há dúvida que o desempenho da equipe de vendas passa pela sua qualificação.

A equipe de vendas é uma das mais cruciais para que um negócio cresça de forma estruturada e obtenha reconhecimento no mercado. Essa equipe é um dos primeiros e mais fortes contatos da sua empresa com o cliente, influenciando diretamente no processo de compra. A partir dela, pode-se conquistar, fidelizar e encantar clientes.

Por tais razões, ao capacitar seus vendedores, a empresa como um todo é otimizada. E o treinamento de vendas oferecido pela Empresa Excelência em Coaching é a solução ideal, com uma metodologia do Coaching e da PNL (Programação Neurolinguistica).

O conceito do treinamento

Nosso treinamento traz muitas vantagens aos participantes, uma vez que muito mais que aprender a vender, os treinados efetuam verdadeiras mudanças na forma de conquistar e fidelizar um cliente. O objetivo da Empresa Excelência em Coaching é unir as habilidades e competências em vendas a outros fatores-chave para o sucesso, para que os profissionais se engajem no projeto e saibam agir em qualquer situação.

Conheça alguns benefícios do nosso Treinamento de Vendas

  • Eliminação de bloqueios e crenças limitantes que o impedem de bater suas metas e alcançar seus resultados;
  • Eliminação de problemas ligados à comunicação interpessoal;
  • Melhor utilização de seus pontos fortes;
  • Desenvolvimento de novas habilidades e capacidades de vendas;
  • Aumento da autoestima, confiança, motivação e empenho para vencer desafios;
  •  Desenvolver inteligência emocional para lidar com diferentes perfis de clientes, pressões dos superiores e para bater as metas com efetividade;
  • Criação de um plano de ação consistente focado no alcance de resultados mais efetivos.

Estamos a disposição para levar este Treinamento até sua empresa.

Contatos  Tel/Watts (51) 99987-9085